Amazonas

Whindersson Nunes causa aglomeração em show em Manaus

Na semana que o Amazonas registrou 1.053 novos casos de Covid-19 e o governo estadual proibiu a realização de eventos com mais de 3 mil pessoas a partir do dia 15 deste mês, o show do humorista Whindersson Nunes reuniu milhares de pessoas na Arena da Amazônia. No evento, realizado na noite de sábado (11), houve aglomeração e uso incorreto de máscara.

Do portal @amazonasatual.com

MANAUS – De acordo com o Governo do Amazonas, na quinta-feira (9), agentes de Saúde foram ao local conferir se os protocolos sanitários, apresentados para o Comitê de Enfrentamento da Covid-19, estavam sendo seguidos. Na ocasião, o grupo concluiu que “foram apresentados e respondidos todos os itens necessários para a realização do evento”.

Para o show, o governo estadual recomendou o uso da máscara de proteção facial, o distanciamento entre as pessoas, lavagens das mãos com água e sabão ou a utilização de álcool em gel e a adesão à imunização realizada na Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19, ou seja, a exigência da carteira de vacinação.

Espectadores afirmaram que, na entrada, foi exigido o uso da máscara e da carteira de vacinação. No entanto, dentro da Arena da Amazônia, parte do público tirava a máscara ou a usava de forma incorreta, abaixo do queixo ou deixando o nariz descoberto – a função dela é cobrir as portas de entrada e saída do vírus no organismo.

Um homem que assistiu ao show disse à reportagem que, dentro da Arena da Amazônia, as pessoas que estavam nos assentos não eram cobradas do uso da máscara, apenas aquelas que subiam as escadas para ir, por exemplo, ao banheiro. “Nos corredores, algumas pessoas estavam cobrando. O negócio era quando o pessoal estava sentado”, disse o participante.

Outro homem que foi ao evento afirmou que foi cobrado a usar o equipamento após colocar abaixo do queixo. “Lá dentro, teve uma hora que me chamaram a atenção porque eu fui tomar uma água e deixei a máscara no queixo. Disseram: ‘olha, tem que colocar a máscara’”, disse outro participante.

Um vídeo que circula na internet mostra o momento em que Whindersson desce do palco e passa em um corredor protegido seguranças, que formavam uma espécie de “barreira humana”. Vários fãs conseguem “furar” a barreira para tentar tocar no humorista e causam aglomeração. Veja o vídeo:

O show de Whindersson Nunes em Manaus foi realizado após o Amazonas registrar 1.053 novos casos de Covid-19 entre os dias 4 e 11 de dezembro. O boletim epidemiológico de sábado (11) apontou 140 novos casos na capital e interior, o de sexta-feira (10), 177 novas infecções, e o de quinta-feira (9), 94 novas confirmações.

Na última quarta-feira (8), ao anunciar a proibição de eventos no estado reunindo mais de três mil pessoas, em razão do avanço no número de casos da Covid-19 e do registro da nova variante ômicron, o governo do Amazonas recomendou que as prefeituras do interior não realizem festividades em comemoração ao Natal e Ano Novo.

A recomendação não proíbe expressamente a realização das comemorações, mas pode afetar eventos programados com antecedência e anúncio de atrações nacionais e regionais. A decisão ocorreu após reunião emergencial do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 na noite de terça-feira (7) e vai vigorar a partir de 15 de dezembro, pelo prazo de 30 dias.

Ainda de acordo com o governo estadual, até este sábado (11), 5.200.888 doses foram aplicadas em todo o estado, sendo 2.722.819 de primeira dose, 2.127.691 de segunda dose, 55.564 com dose única e 294.814 de dose de reforço. Isso significa que 51,9% da população geral está com o esquema vacinal completo no estado amazonense.

Procuradas pela reportagem, a SES-AM (Secretaria de Saúde do Amazonas) e a FVS (Fundação de Vigilância em Saúde) informaram que estiveram na Arena da Amazônia acompanhando o cumprimento dos protocolos de segurança. Segundo os órgãos, houve orientação constante ao público para que cumprisse as regras prevenção à Covid-19.

Leia a nota da SES e FVS na íntegra:

Técnicos da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) e Fundacão de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-AM), estiveram na Arena da Amazônia acompanhando o cumprimento dos protocolos de segurança. Durante a entrada do público, foi exigido o comprovante de vacinação e só ingressaram no local pessoas com o esquema vacinal completo, ou seja, que tivessem tomado as duas doses da vacina Contra a Covid -19. Os técnicos do Governo do Estado também acompanharam o andamento do show, em que o público foi orientado de forma constante a ficar de máscara e sobre a obrigatoriedade do uso do item enquanto estivessem no local. 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Direto da Redação

Notícia, conteúdo e credibilidade

Folha de Maués

Notícias da Terra do Guaraná, Amazonas, Brasil e Mundo

g1 > Turismo e Viagem

Notícias da Terra do Guaraná, Amazonas, Brasil e Mundo

g1 > Mundo

Notícias da Terra do Guaraná, Amazonas, Brasil e Mundo

g1

Notícias da Terra do Guaraná, Amazonas, Brasil e Mundo

WordPress.com em Português (Brasil)

As últimas notícias do WordPress.com e da comunidade WordPress

%d blogueiros gostam disto: