Amazonas Apoio Social Política saúde

Wilker cobra assinaturas para iniciar o processo de instauração da CPI da Pandemia

O deputado cobra dos demais parlamentares as seis assinaturas para iniciar o processo que pretende investigar os gastos do Governo do AM no combate à Covid-19

PORTAL.D24.AM – O deputado estadual Wilker Barreto (Podemos) voltou a cobrar dos demais parlamentares as seis assinaturas que vão dar início ao processo de instauração da CPI da Pandemia, que pretende investigar os gastos do Governo do Amazonas no combate à Covid-19. O pedido, na manhã desta quinta-feira (18), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), veio em tom de advertência por conta da falta de adesão e interesse dos demais parlamentares em validar as investigações.

Apenas com as assinaturas de Wilker e Dermilson Chagas, autores da proposta, Barreto utilizou a tribuna da Casa para “tentar despertar” os colegas e lembrou que Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) iniciou os trabalhos para investigar as possíveis irregularidades no uso de vacinas contra a Covid.

“A Assembleia (Legislativa) de Minas Gerais abriu o processo de CPI para investigar os Fura-Fila, e aqui no Amazonas patinamos com a CPI da Pandemia. Eu sou autor (da CPI) junto com o Dermilson, e abro mão de presidir e relatar. Só me estranha a não adesão de quem deveria investigar os atos exagerados do Executivo”, disse Wilker, afirmando que o Amazonas quer descobrir os responsáveis pelas mortes ocasionadas pela falta de oxigênio.

“Vidas foram perdidas. Nosso povo está de luto, mas depois que saírem do luto cobrará as responsabilidades. Acredito que esta Casa tem função constitucional de fiscalizar o Executivo. Precisamos iniciar a CPI ainda no mês de março, porque pelas fotos que eu vejo, esquece impeachment”, disparou Wilker se referindo aos deputados que estão registrando fotos em viagens ao lado do governador Wilson Lima.

Aeronaves voam, após denúncia

A denúncia feita pelo deputado Wilker Barreto, na sessão plenária da última quarta-feira (17), sobre a aeronave bimotor contratada pelo Governo, no valor de R$ 17 milhões, para atender o interior do Amazonas no combate à Covid-19, e apesar disso as prefeituras estavam pagando voos fretados para transportar as vacinas, obteve um final feliz para os moradores do interior.

“Alguns deputados disseram, nesta manhã, que a denúncia não procede. Mas o avião começou a decolar hoje. A denúncia eu fiz ontem”, lembrou Barreto, que apresentou matéria jornalística confirmando o alinhamento para a entrega dos pouco mais de 10 mil imunizantes que estavam guardados na Fundação de Vigilância em Saúde (FVS). “É só entrar no site do Governo que lá tem a matéria ‘Governo do Amazonas alinha ações com municípios para ampliar vacinação contra a Covid-19’, isso depois do puxão de orelha que eu fiz junto com o deputado Carlinhos Bessa, na sessão de ontem”, concluiu.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Direto da Redação

Notícia, conteúdo e credibilidade

Folha de Maués

Notícias da Terra do Guaraná

G1 > Turismo e Viagem

Notícias da Terra do Guaraná

G1 > Mundo

Notícias da Terra do Guaraná

G1 > Brasil

Notícias da Terra do Guaraná

WordPress.com em Português (Brasil)

As últimas notícias do WordPress.com e da comunidade WordPress

%d blogueiros gostam disto: